Lisboa Roteiro

4 programas gratuitos para fazer em Lisboa

Com o Euro valendo quase R$ 5 e outros gastos elevados da viagem, uma alternativa para curtir Lisboa sem precisar decretar falência, é focar em programas gratuitos. Sem gastar nada com passeios e ingressos, é possível visitar alguns dos principais pontos turísticos de Lisboa e fazer roteiros inesquecíveis.

E tem muitas coisas para fazer de graça em Lisboa. Listei aqui algumas das melhores atrações gratuitas da capital portuguesa, que são lugares perfeitos para você encaixar no seu roteiro econômico pela cidade.

1. Miradouros gratuitos

Às margens do Rio Tejo e ocupando as lendárias 7 colinas, Lisboa tem vistas impressionantes. Há dezenas de mirantes espalhados pela cidade. Alguns deles são pagos, como no Castelo de São Jorge e topo de monumentos como a Torre de Belém. Mas você não perde em nada nos mirantes gratuitos. Por exemplo, as Portas do Sol, no Bairro da Alfama, e o Miradouro de Nossa Senhora do Monte.

Veja aqui no blog uma lista com os 30 principais mirantes de Lisboa.

Sabia que seguro viagem é obrigatório em Portugal?
Brasileiros precisam ter uma cobertura mínima de 30 mil euros no seguro viagem para entrar em Portugal. Eu utilizo esse comparador de preços para pesquisar e recomendo.

2. Caminhada pelos bairros históricos

Andar não custa nada e Lisboa vale cada passo. Os bairros históricos centrais são um museu a céu aberto. Comece pela Alfama, que sobreviveu intacta ao terremoto de 1755. Siga até a Praça do Comércio, uma das maiores do Europa. Atravesse sob o Arco da Rua Augusta, que foi inaugurado em 1875 e siga pela Rua Augusta, na Baixa, repleta de restaurantes, até o Largo de São Domingos, onde está o histórico bar A Ginginha, além do monumental Teatro Nacional D. Maria II.

Veja mais sobre os bairros históricos no post Onde se hospedar em Lisboa.

3. Caminhada de observação em Belém

Outra caminhada essencial em Lisboa é na região de Belém. Em apenas uma manhã, dá pra conhecer lugares como a Torre de Belém, o Padrão dos Descobrimentos, o mirante do MAAT e o Mosteiro dos Jerónimos. Em todos esses lugares, é possível entrar se comprar ingresso. Mas, vá por mim, não são visitas essenciais assim. Sem falar que as melhores fotos a gente faz do lado de fora. Como ninguém é de ferro, vale a pena gastar um pouco no Pastéis de Belém e provar essa autêntica delícia portuguesa.

Veja nosso roteiro de um dia em Belém.

4. Aproveite os dia gratuitos dos museus

Além de ter muitos museus gratuitos, como a Casa dos Bicos e o Museu do Dinheiro, em Lisboa há aqueles que não cobram entrada certos dias da semana. Por exemplo, o famoso Museu Coleção Berardo, cujo ingresso padrão é 5 euros, tem entrada gratuita aos sábados. O moderno MAAT, cuja entrada completa custa 9 euros, é gratuito para o público em geral no 1º domingo de cada mês.

Veja quais são os 10 melhores museus de Lisboa.

Vá para Portugal com tudo reservado
→ Hotéis – Eu sempre utilizo o Booking.com porque tem mais opções, os menores preços e o atendimento nunca me deixou na mão.
→ Seguro Viagem – Para viajar a Portugal é obrigatório ter seguro viagem. Eu utilizo sempre este comparador de preços e economizo bastante.
→ Aluguel de Carro – Pesquisar preços na RentCars é o primeiro passo para encontrar as melhores locadoras e os preços mais baixos. Depois se jogue nas lindas estradas de Portugal.

Olá! Sou a Alice, criadora do blog Dicas Portugal. Brasileira de São Paulo, atualmente vivendo em terras portuguesas. Amo a energia de Lisboa, os vinhos do Porto e as praias do Algarve. E escrevo sobre tudo isso e muito mais. Vem viajar comigo.

Write A Comment