Viagem

10 palavras de Portugal que são palavrões ou xingamentos no Brasil

O que você, nobre leitor, pensaria, se alguém disser que vai pegar uma bicha pra tomar pica? Ou que está com vontade de uma punheta com grelo? Em Portugal, isso pode acontecer e não é nenhuma ofensa.

A seguir, veja palavras portuguesas que podem parecem xingamentos, palavrões ou soar engraçadas ou estranhas no Brasil. Mas que, na terrinha, são usadas no dia a dia e não ofendem ninguém. (Essa lista não é adequada para canalhas – vide número 7).

1. Puto

Não tem nada a ver com fazer programas ou estar com raiva. Puto, em Portugal, é um adolescente.

Esses putos estão chocados com os palavrões, digo, com as palavras portuguesas.

 

2. Boceta

Tem grandes, pequenas e em diferentes cores. Pensou no órgão sexual feminino? Que nada, em Portugal, boceta é uma pequena caixa para guardar objetos pessoais como brincos, tabaco em pó e outras coisas.

Sabia que seguro viagem é obrigatório em Portugal?
Brasileiros precisam ter uma cobertura mínima de 30 mil euros no seguro viagem para entrar em Portugal. Eu utilizo esse comparador de preços para pesquisar e recomendo.
Cuide bem da sua caixinha.

 

3. Piroco

Tem muita gente que gosta de levar piropo. Mas também há quem tenha ódio. Por isso seja educado e não saia por aí dando piropo, que em Portugal significa cantada.

Melhor não sair por aí dando piroco. Tem muito gente que não gosta.

 

4. Rabo

Significa bunda, bumbum. Igual na linguagem chula brasileira, embora seja menos vulgar. Se elogiarem seu rabo, não precisa se ofender.

E você, prefere bunda ou rabo?

 

5. Pica

Antes de entender mal, saiba o significado. Pica, em Portugal, é injeção. Pensando, faz muito sentido, já que a agulha dá uma picada na pele, sem duplo sentido.

Tadinho do cachorro, melhor não fazer trocadilho com ele nesse momento.

 

6. Punheta

Sempre vai bem uma punheta no almoço. Ou no jantar. Afinal punheta é um prato típico português à base de bacalhau. Pensou que era o quê?

Esse é um prato com bacalhau, mas não é uma punheta. Licença poética só pra ilustrar o significado da palavra.

 

7. Canalha

Não é xingamento. Em Portugal, canalha é um coletivo para crianças. Se alguém disser que viu seu filho com uma canalha, fique tranquilo, pois ele só estava com outras crianças.

Calhada estudando para a prova.

 

8. Bicha

Os lugares mais turísticos de Portugal estão cheios de bichas. Tem bichas grandes, bichas pequenas, bichas rápidas… Já matou a charada? Bicha significa fila em Portugal.

No Brasil e em Portugal, tem gente que não resista a uma bicha. E quando a fila é grande, será que podemos dizer bichona?

 

9. Grelo

O sabor do grelo é inconfundível. Tem quem goste, tem quem não passe perto. Mas numa coisa todo mundo concorda: o grelo mole é melhor do que o grelo duro. Porque ele absorve melhor os temperos. Afinal, essa folha comestível, tipo uma salsinha, é muito usada como acompanhamento de pratos e na salada.

Outra licença poética. Nessa salada tem salsinha, que se parece muito com o grelo. Alguém já experimentou?

 

10. Cacete

Há quem prefira duro. Há quem prefira mole. Mas numa coisa ninguém descorda: o cacete quentinho é muito melhor. Por isso é bom perguntar para o padeiro quando sai a próxima fornada. Pois é, cacete significa pão em Portugal. Pensou que fosse o quê?

Cacetes de diferentes tipos e tamanhos.

 

Porreiro, não?

Se quiser saber o significado de porreiro, fixe e outras palavras portuguesas, veja nosso Dicionário Brasil-Portugal, que tem 40 expressões, gírias e palavras portuguesas, incluindo alguns desses “palavrões” aqui.

Vá para Portugal com tudo reservado
→ Hotéis – Eu sempre utilizo o Booking.com porque tem mais opções, os menores preços e o atendimento nunca me deixou na mão.
→ Seguro Viagem – Para viajar a Portugal é obrigatório ter seguro viagem. Eu utilizo sempre este comparador de preços e economizo bastante.
→ Aluguel de Carro – Pesquisar preços na RentCars é o primeiro passo para encontrar as melhores locadoras e os preços mais baixos. Depois se jogue nas lindas estradas de Portugal.